Servidores da Prefeitura de Angical denunciam prefeito por atraso salarial

Mezo diz que não vai pagar

Os servidores públicos municipais de Angical, no Oeste da Bahia, denunciam que o atual prefeito da cidade, Emerson Mariani Dias, o popular Mezo, tem se negado a pagar os salários de dezembro e o décimo terceiro referentes ao ano de 2020. De acordo com o Sindserpa, entidade que congrega os trabalhadores da municipalidade, foram realizadas duas reuniões com o prefeito, para discutir as pendências. Mas Mezo, segundo o sindicato, teria afirmado que não vai pagar.

O alcaide alega que os débitos são referentes ao governo anterior. Segundo o advogado do Sindserpa, Ítalo Passos, “levando em consideração o principio da impessoalidade, da continuidade e moralidade administrativa, os débitos ocasionados na gestão anterior são transferidos e passam a ser responsabilidade do governo atual, pois os mesmos são exclusivamente do município e não do prefeito do momento”.

Fonte:ZDA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *