DOIS SUSPEITOS DE TEREM PARTICIPADO DO ASSALTO A BANCOS DO MUNICÍPIO DE CORRENTINA MORREM EM CONFRONTO COM A POLÍCIA

  • Dois suspeitos foram encontrados na cidade de Serra do Ramalho e outros dois na cidade de Maracás. Quarteto é suspeito de explosões de três agências bancárias em Correntina, na última sexta-feira (7).

Suspeitos de explosões em agências bancárias de Correntina são mortos em confronto com a polícia — Foto: Divulgação / SSP-BA

Quatro suspeitos de participação na explosão de três agências bancárias na cidade de Correntina, oeste da Bahia, morreram entre a madrugada e a manhã desta terça-feira (11), durante a operação “Aerárium”. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), dois homens foram encontrados na cidade de Serra do Ramalho e outros dois na cidade de Maracás, ambos municípios na Bahia.

 

A SSP-BA detalhou que no início da manhã dois homens foram encontrados por meio de denúncias anônimas. As informações revelaram que a dupla, moradora de Salvador, estaria em uma casa utilizada como esconderijo em Serra do Ramalho.

Diante da informação, os policiais realizaram patrulhamento na região e encontraram a dupla. Os dois tentaram fugir e trocaram tiros com a polícia. Entretanto, os dois foram baleados. Eles foram socorridos para o Hospital Municipal de Serra do Ramalho, mas não resistiram.

Com eles, foram encontrados um revólver calibre 38 e uma pistola de calibre 380. As armas foram encaminhadas para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) de Bom Jesus da Lapa e vão passar por perícia.

Maracás

Os outros dois suspeitos foram encontrados em Maracás, no sudoeste da Bahia, na madrugada desta terça. A SSP-BA informou que a dupla estava escondida próximo ao bloqueio montado na cidade, em uma região de mata.

Também houve troca de tiros com os policiais e os dois foram atingidos. Eles foram encaminhados para o Hospital Municipal Doutor Álvaro Bezerra, mas não resistiram aos ferimentos.

Ainda de acordo com a SSP-BA, com a dupla foram apreendidos R$ 236 mil e duas pistolas. O material foi encaminhado para o Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Dracco) de Vitória da Conquista e farão parte das investigações.

Explosões em Correntina

 

Grupos armados explodiram 3 agências bancárias em Correntina, oeste da Bahia — Foto: Reprodução/TV Bahia

Grupos armados explodiram 3 agências bancárias em Correntina, oeste da Bahia — Foto: Reprodução/TV Bahia

De acordo com a SSP-BA, o quarteto integra a quadrilha responsável por assaltar três agências bancárias na cidade de Correntina, na madrugada da última sexta-feira (7). Na ação, eles usaram explosivos e armamento de grosso calibre.

A SSP-BA não detalhou a quantidade de pessoas suspeitas de integrar a quadrilha, porém, informou que o policiamento segue reforçado na região para identificar outros integrantes do grupo.

De acordo com a polícia local, durante os ataques, os suspeitos dispararam várias vezes para o alto, para causar pânico na população. Ainda não há informações sobre quantos homens participaram da ação. A Polícia Federal também está na cidade.

Depois do crime, os suspeitos fugiram em vários carros. As agências explodidas pertencem ao Bradesco, Caixa Econômica Federal e ao Banco do Brasil, que não divulgaram se valores foram levados, nem a quantia. As unidades ficaram completamente destruídas. Com os ataques, a cidade ficou apenas com uma agência do Banco do Nordeste em funcionamento.

Por G1 BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *